SPYRO THE DRAGON
CRASH BANDICOOT
 
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
PRÉVIA CRASH: N. SANE TRILOGY
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
ÁREA FÃ
CONCURSO CULTURAL 2017
JOGOS ONLINE
LINHA DO TEMPO
LINKS RECOMENDADOS
JOGOS RECOMENDADOS
PARCEIROS
CONTATO

PORTAL

FICHA TÉCNICA
 

Avaliador "Planeta Gamers"

8.7

 

Produtora Valve Corporation
Gênero Puzzle
Classificação Maiores de 12 anos
Data de Lançamento 10/10/2007
Número de Jogadores 1
Plataformas PC, PS3, XBox 360
 

ANÁLISE

 
Gráficos Pra época eram bons. 8.0
Jogabilidade Uma jogabilidade inovadora em que você tem em mãos uma arma de portais e pode se teleportar através deles para qualquer lugar. Porém eles só funcionam em paredes feitas com rocha lunar (Brancas). 10.0
Efeitos Sonoros O jogo não tem música em todas as partes, mas quando tem, são boas. As músicas passam em locais secretos e no eding (Cena final) do jogo. O único personagem que fala é a Glados, que é a vilã do game, porque a protagonista é muda, mas mesmo assim a dublagem dela é muito boa. Só pelo requisito de ter poucas músicas no game, além de boas e só a Glados falar, eu dei 7.0 para os efeitos sonoros. 7.0
História A historia da protagonista não é muito bem contada, você só acha trechos de sua historia através de locais secretos, que há coisas escritas na parede sobre sua historia, além disso " Portal 1 " é muito pequena por que no começo ele vinha só como um game extra dentro de outro jogo (que não me lembro qual é '-'), hoje ja tem Portal 2 e os dois estão sendo vendidos na Steam. Chell é acordada por Glados em uma câmara (sala) em " Aperture Science " (Laboratório onde se passa todo o jogo) recebendo ordens de um robô (a Glados) dizendo que se ela completar todas as câmaras de teste ira ganhar um bolo ('-' ... sério man um bolo? ela se sacrifica por um bolo...) mas Chell terá uma surpresa ao completar todas as câmaras. 8.0
 

PONTOS POSITIVOS E NEGATIVOS