SPYRO THE DRAGON
CRASH BANDICOOT
 
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
PRÉVIA CRASH: N. SANE TRILOGY
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
ÁREA FÃ
CONCURSO CULTURAL 2017
JOGOS ONLINE
LINHA DO TEMPO
LINKS RECOMENDADOS
JOGOS RECOMENDADOS
PARCEIROS
CONTATO
JOGOS LANÇADOS DICAS DOS JOGOS  DETONADOS PUBLICADOS PERSONAGENS
Página Inicial

CRASH: MIND OVER MUTANT Galeria ANÁLISE
 
FICHA TÉCNICA
 

Produtora TOSE Software

Nota do Site

6.0

8.2 (2)

Publicadora Activision Inc / Sierra Entertainment
Distribuidora Activision Inc / Sierra Entertainment
Plataforma(s) Nintendo DS
Classificação Todas as Idades
Data de Lançamento 07/10/2008
Gênero Ação/Aventura
Número de Jogadores 1 a 4
Acessórios Memory Card - Wi-Fi
 
HISTÓRIA
 

       Neo Cortex comemorava a conclusão de seu novo invento: um capacete capaz de acessar a internet e tudo que tem nela de graça. Além disso, ele é capaz de controlar a mente daqueles que o usassem, tudo graças a ajuda de mojos amaldiçoados. Nina Cortex surge para ver porque Neo Cortex comemorava tanto e, quando descobre o que o capacete faz, ela pede a seu tio para deixá-la usar, mas Neo Cortex recusa e manda Nina voltar à escola de maldades para estudar mais. Neo Cortex planejava vender esse capacete a preço de banana para conseguir que todos os habitantes de Wumpa Island usassem e se transformassem em mutantes.

        Enquanto isso em Wumpa Island, Crash, Aku Aku e Coco estão limpando a bagunça deixada por Neo Cortex na última aventura. Coco chama Crunch para ajudar e justamente Crunch conta que há um capacete que faz tudo que eles querem e que já tinha comprado um par deles. Crunch dá a Coco, e os dois colocam o capacete e começam a enviar mensagens entre si, quando de repente uma voz diz que eles devem ir para outro lugar e eles vão sem mais nem menos. Aku Aku estranha a atitude deles e pede a Crash que os persiga e veja o que eles vão fazer. É aí que começa a aventura.

 
GALERIA
 
Imagens do Jogo
 
 
ANÁLISE
 

SOM

                   
6

6.0

regular

Pontos Positivos
* Modo Multiplayer via Wi-Fi
 
Pontos Negativos
* Fases de volta no estilo side-scrolling * Fases repetitivas * Gráficos piorados * Jogabilidade complexa em algumas partes * 2 cutscenes no jogo inteiro
GRÁFICOS
                   
5
DESAFIO
                   
7
JOGABILIDADE
                   
6
GERAL
                   
6
 
Análise do Jogo
por Paulo Moreira - editado em 12/01/2011

          A última aventura de Crash Bandicoot lançada para os consoles - Crash Bandicoot: Mind Over Mutant - saiu também para o portátil Nintendo DS, com uma versão feita especialmente para ele. Em 2007, já tinha sido lançado o jogo Crash of the Titans para Nintendo DS utilizando um sistema gráfico bem feito para os padrões do portátil e, como sempre, se aproveitando da tela que usa a caneta Stylus para interação. Em Mind Over Mutant, o uso da caneta Stylus está presente, mas infelizmente não foi bem aplicado.

          A primeira novidade é com relação à parte gráfica que mostra fases no estilo de Crash of the Titans lançado para GameBoy Advance, ou seja, em side-scrolling, como nos jogos clássicos de Crash no portátil mencionado. Isso, ao meu ver, não foi uma evolução grande no jogo, pois as fases em 3D eram o grande atrativo do jogo Crash of the Titans. As únicas fases que parecem ser em 3D são as batalhas contra os chefes de mundo.

           Com relação à jogabilidade o jogo peca em muitos aspectos. O primeiro, perceptível logo de início é que as fases são curtas e se resumem em apenas andar, pular abismos e derrotar inimigos para coletar mojos, estes utilizados para melhorar os atributos dos mutantes. Aliás, este é um ponto que gostaria de chegar: este jogo apresenta uma quantidade impressionante de mutantes para se controlar - apenas 5 no jogo inteiro. Isso mesmo! Enquanto em Crash of the Titans do DS tínhamos mais mutantes que na versão console e todos exclusivos, neste temos os mutantes do jogo Crash of the Titans para consoles e apenas 5 no jogo todo (um por mundo, ou seja, você joga um mundo inteiro apenas com um mutante). Outro problema no jogo é a dificuldade em derrotar os chefes de mundo. Se você não tiver controlando um mutante, dificilmente você conseguirá avançar no jogo. Caso você perca do chefe (o que é bem provável) o jogo te faz o "favor" de não deixar um mutante pronto para você controlar assim que voltar, isto é, você é obrigado a sair da fase do chefe e buscar um mutante em alguma das fases que jogou.

             Nesse jogo, temos um modo Multiplayer possibilitando que até 4 jogadores disputem batalhas entre mutantes utilizando a rede Wi-Fi do Nintendo DS. Além disso, temos o modo Minigame no jogo, possibilitando várias modalidades de jogos rápidos para um jogador ou dois utilizando a caneta Stylus. Felizmente, este é o único ponto positivo do jogo, apesar que no modo batalha você só pode controlar um dos 5 mutantes habilitados no jogo.

          Os sons poderão ser reconhecidos de imediato, pois são versões de músicas do jogo para os consoles. Nessa aventura, o sistema de "jacking" é o mesmo da versão GBA: você deve dar golpes sem parar nos mutantes até tonteá-los para depois controlá-los e usá-los em lugares específicos das fases. Infelizmente temos que admitir que a produtora parece que fez de tudo para queimar a imagem de nosso mascote na "produção" deste jogo. Juro para você que eu tinha uma ideia do jogo antes de jogá-lo e mudei totalmente após jogá-lo. Infelizmente não foi para melhor. No momento, este pode ser considerado o jogo mais fraco de Crash Bandicoot nos últimos anos.

           O jogo foi lançado em 7 de outubro de 2008 para Nintendo DS, além de PlayStation 2, XBox 360, PSP e Nintendo Wii.

 
ANÁLISES DE VISITANTES DO SITE
 
#02 - Data: 27/12/2013 - Identificação: Micael Souza

SOM

7 "Apenas em algumas fases do jogo as músicas são incríveis."
GRÁFICOS 6 "Não é boa coisa, mas é positivo."
DESAFIO 10 "O jogo é bastante desafiador."
JOGABILIDADE 8 "Tem uma jogabilidade boa, na minha opinião."
NOTA FINAL 7.9
#01 - Data: 11/05/2012 - Identificação: Pedro Augusto

SOM

10 "Os sons são ótimos, não tem como falar mal."
GRÁFICOS 7 "Os gráficos são bons, mas não são em 3D."
DESAFIO 10 "Até hoje não consegui passar da primeira fase, infelizmente."
JOGABILIDADE 7 "Bem,os movimentos de Crash são vários,mas é muito difícil de lembrar qual botão que faz para girar, bater, pular, usar Aku Aku etc..."
NOTA FINAL 8.5

Dragons & Bandicoots © 2001/2017 - Versão 15.0

Site desenvolvido e criado por Paulo Moreira (dragonsb). Os personagens mencionados neste site são marcas registradas de Activision, Inc. O site Dragons & Bandicoots não possui nenhuma ligação com a empresa mencionada.
Site hospedado por Webhost Brasil.