SPYRO THE DRAGON
CRASH BANDICOOT
 
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
ANÁLISE "N. SANE TRILOGY"
JOGOS LANÇADOS
DICAS DOS JOGOS
DETONADOS PUBLICADOS
PERSONAGENS
 
ÁREA FÃ
CONCURSO CULTURAL 2017
JOGOS ONLINE
LINHA DO TEMPO
LINKS RECOMENDADOS
JOGOS RECOMENDADOS
PARCEIROS
CONTATO
ÁREA FÃ CONCURSO CULTURAL 2017 JOGOS ONLINE  LINHA DO TEMPO LINKS RECOMENDADOS JOGOS RECOMENDADOS PARCEIROS CONTATO
Página Inicial


          Quer tirar suas dúvidas sobre os jogos de Crash Bandicoot e Spyro? Quer saber mais sobre o site? Quer conhecer outras pessoas que gostam de Crash Bandicoot e Spyro? Veja como:
 
Esclareça suas Dúvidas
 
Se tiver problemas ao preencher o formulário, envie um e-mail para dragonsbandicoots@yahoo.com.br
 
E-mails do site
Para participar das seções Sprash, Dicas dos Jogos, Time Attack e com outros conteúdos para o site envie um e-mail para dragonsbandicoots@yahoo.com.br
 

          Gostaria de deixar claro que há épocas do ano que não tenho muito tempo para entrar em contato, respondendo mensagens devido minha profissão além de webmaster do site e produtor de conteúdo no Canal D&B, ok? Se não for atendido de imediato, não fique chateado! Antes de mandar sua mensagem, sugiro que veja a seção de Dúvidas Frequentes logo abaixo:

 

 

 

Afinal, o que aconteceu para a Naughty Dog ter "abandonado" Crash Bandicoot e a Insomniac Games ter "abandonado" Spyro?
             Antes de começar, dois esclarecimentos:

"Crash e Spyro sempre foram da Universal Interactive."
"Universal Interactive e Vivendi Games são únicas e a mesma."

            Vamos entender então o porquê desta confusão. Vamos entender, antes de mais nada, a diferença entre Desenvolvedoras (Developers) e Editoras (Publishers) e, de quebra, vamos entender o que aconteceu para Crash e Spyro estarem hoje onde estão.

* A diferença

Apesar de parecer óbvio para muita gente, nem todos tem certeza o que faz Desenvolvedoras e Editoras diferentes, porém as diferenças existem. Confira:

- As Desenvolvedoras são responsáveis por construir o jogo e elas sempre têm ligação direta com seu conteúdo. Elas são responsáveis pelo jogo em si, e isso inclui gráficos, músicas, história e, naturalmente, a jogabilidade. Em poucas palavras, elas fazem o jogo que você joga. Naughty Dog e Insomniac Games são exemplos de equipes de desenvolvimento de jogos.

- As Editoras estão acima das Desenvolvedoras em hierarquia porque elas as possui ou as contrata para fazer um jogo. Em qualquer um dos casos, a Editora quase sempre tem os direitos sobre a franquia, e as Desenvolvedoras fazem o jogos para elas a um custo. As Editoras então lançam o jogo e é responsável por várias outras coisas, mas não vamos entrar em detalhes. Crash e Spyro têm um longo histórico de mudança de Editoras.

Quem é a editora de Crash?

Inicialmente, Crash Bandicoot foi desenvolvido por uma equipe chamada Naughty Dog e Spyro, pela Insomniac Games. Elas são responsáveis pela origem das séries (os 4 Crash's e os 3 Spyro's iniciais, respectivamente). Como vimos antes, uma Desenvolvedora não pode trabalhar sem uma Editora e Universal Interactive Studios era a Editora que a Naughty Dog e Insomniac Games tinham contrato firmado. Essa companhia era uma subsidiária da Universal Studios (aquela mesma que produz filmes; é aquela com o planeta Terra no logo). Universal Interactive Studios

Então, a Naughty Dog e a Insomniac Games tinham contrato com a Universal que durava por 3 anos. O que é ironia nisso tudo (e muitas pessoas ainda não sabem disso) é que a Naughty Dog tecnicamente vendeu Crash à Universal Interactive Studios antes da criação da série. Spyro já surgiu da mesma maneira e teve o mesmo destino. Provavelmente alguma obrigação contratual. Apesar disso, a Naughty Dog adorava Crash e a Insomniac Games, o Spyro, e eles puseram suas forças em seus jogos. Então, enquanto a Naughty Dog, por exemplo, criou Crash, eles nunca o possuíram de fato, e Crash e Spyro foram propriedades da Universal Interactive desde o início.

Depois disso, por volta de 2000, a Universal Interactive Studios simplesmente contratou outra equipe de desenvolvimento para continuar as séries. Lembremos que o contrato era de 3 anos, a Naughty Dog tinha terminado o contrato em 1999, mas por outro lado, a Insomniac Games teria seu contrato encerrado um ano depois; mesmo ano da troca de produtoras. A editora eventualmente diminuiu seu nome para Universal Interactive, Inc. Seu primeiro jogo de Crash sob este nome foi Crash Bandicoot: The Huge Adventure para o Game Boy Advance e, no caso do Spyro, foi Spyro: Season of Ice também para o Game Boy Advance, ambos em 2002.

Vivendi Universal Games Depois disso, por volta de 2001, uma companhia chamada Vivendi comprou parte da Universal Studios, formando assim uma única empresa chamada Vivendi Universal Games (VU Games), nome usado a partir de 2003. Apesar da mudança, o novo nome só foi usado a partir de 2004 nos jogos Crash Twinsanity e Spyro: A Hero's Tail.
Em 2005, a VU Games decidiu "emprestar" à Sierra Entertainment, Inc (uma de suas recém-adquiridas subsidiárias) as suas franquias Crash Bandicoot e Spyro the Dragon. É importante notar que uma companhia chamada Blizzard Entertainment foi adquirida pela VU Games. Então, em 2006, a VU Games vendeu boa parte da Universal Studios e mudou seu nome para Vivendi Games. Crash e Spyro continuaram com a Sierra Entertainment. Sierra
Activision Blizzard A última grande mudança de Editoras aconteceu em 2008, quando a Vivendi Games migrou para a Activision, Inc. Nisso incluiu suas subsidiárias, como a Sierra Entertainment e Blizzard Entertainment. Apesar dessa união, todas as empresas envolvidas agem isoladamente. A essa união, deu-se o nome de Activision Blizzard.

Em outras palavras, os jogos de Crash e Spyro virão a partir de agora com o nome Activision como Editora.

Texto baseado no artigo "Developers & Publishers" do webmaster do site Crash Mania (HPZr).

 

Problemas em Spyro (3): Year Of The Dragon (PSOne).

          Milhões de internautas me mandam perguntas referentes ao jogo Spyro: Year of the Dragon (PSX) diariamente com relação ao fato de jóias e ovos sumirem inesperadamente nas fases e, ainda, quando chega à fase de Sorceress, o jogo reseta.

          O que vou fazer aqui é esclarecer todos esses problemas. Prestem bastante atenção:

1. O jogo "alternativo" (pirata) é o único que dá problemas, pois apresenta um seletor de versões NTSC e PAL.

2. Um dos problemas é o desaparecimento de jóias em algumas fases.

3. Outro problema é o desaparecimento de ovos ao chegar em Evening Lake (3º Mundo).

4. Mais um problema, não tão perceptível é a troca de músicas nas fases dos mundos Evening Lake e Midnight Mountain.

5. Outro problema ocorre na fase Sorceress' Lair (mais grave!). Quando entra na fase, o jogo está OK, mas de repente, o jogo volta ao início, sem jóias e sem ovos.

          Com muito custo consegui desviar desses problemas algumas vezes, mas é difícil. O que eu fiz foi o seguinte: jogue bem rapidamente as fases onde Spyro deve coletar ovos. Colete a quantidade mínima para abrir cada portal e pegue poucas jóias. Quando derrotar um chefe, volte para o mundo anterior e entre na fase de Sparx. Tente chegar rápido ao final da fase de Sparx. Faça isso até o terceiro mundo.

          Agora é questão de sorte: quando chegar em Midnight Mountain, certifique-se de que os portais estão com os nomes das fases do primeiro mundo (ex.: Sunny Villa, Mushroom Speedway, Molter Crater, etc). Para quê? Não entre em nenhum portal. Vá direto à fada Zoe perto de uma ponte, ao lado da placa de Sparx. Entre e termine a fase de Sparx. Quando terminar essa fase, você será recompensado com duas habilidades: destruir os vasos quando se aproxima e o mais legal, seleção de fases. Aperte Select para acessar o Atlas, escolha uma fase e aperte Quadrado. Faça isso até terminar com todas as fases.

          Espero que isso ajude a sanar as dúvidas desse jogo. » Ler mais

 

Como passar de algumas fases do jogo Spyro The Dragon (PSOne).

          Essa pergunta foi enviada há algum tempo, mas acho importante destacá-la, pois até eu tive dificuldade quando joguei pela primeira vez. Por isso segue a resposta dessa pergunta:

 
Haunted Towers (500 jóias e 3 dragões)
 
Dragão 2 - Copano: Após libertar o primeiro dragão (Kosoko) siga em frente até chegar à fada, para que ela dê poder maior de fogo a Spyro e volte imediatamente para destruir uma porta de ferro e uma armadura que a protege. Use o furacão a frente e quando chegar ao topo e ver na entrada várias setas (ou "L's", como preferir) no chão, use Quadrado para correr com a chifrada (supercharge) sem parar (tomando cuidado para não bater na parede), destruindo as duas portas iniciais, em seguida, a segunda porta à direita sem bater na parede. Após o corredor, vire à esquerda e, sem soltar Quadrado, pule com X (ainda à esquerda) e use uma rampa à esquerda como impulso para pular alto. No momento em que estiver no topo do pulo, solte Quadrado e aperte X imediatamente para voar. Use o furacão nessa nova área e, dentro do castelo, à esquerda está o dragão.
 
Dragão 3 - Lutalo: Quando for continuar explorando o castelo, vire à esquerda e suba as plataformas rapidamente antes que eles sejam acordados pelos mágicos. No final, derrote um mágico e destrua uma porta à esquerda. Lá existem várias cestas com jóias e outra fada, mas esta lhe dará poder infinito de fogo. Com isso você pode destruir os guardas de ferro. Volte para o local da entrada do castelo para destruir a cesta de ferro e ganhar várias jóias de uma vez. Volte, mas não suba. Pegue as jóias que ali estão e depois procure por um buraco no chão e caia. Entre nas portas restantes, uma delas, a do meio, está o último dragão. Ao sair da sala desse dragão entre na segunda porta à esquerda até o final da fase.
 
Jacques (500 jóias e 2 dragões)
 
Dragão 1 - Unika: Derrote os inimigos escuros com a chifrada e os claros com o fogo. Use o "tempo" para levantar ou abaixar plataformas. Chifre ou baforeie o primeiro da direita e depois vá rapidamente à esquerda e acerte o outro. Suba rapidamente em cima da plataforma e suba na plataforma abaixada que está à esquerda e espere que ela levante. Quando ela levantar, voe para a esquerda do cenário próximo à parede (sempre em frente) e lá estará o dragão.
 
Dragão 2 - Revilo: Continue em frente até achar outro "tempo". Primeiro, vire à esquerda e use o furacão para derrotar os inimigos do alto das torres. Agora, use o "tempo" e vire na área de lava para usar uma pequena plataforma que aparece na parede como forma de chegar a um furacão à frente, use-o. Suba na pequena plataforma para poder voar até o final do cenário sem cair na lava. Para voltar use o furacão que aparece para ir onde estava o "tempo" e o dragão. Para retornar ao caminho normal da fase, plane em frente sempre à direita até retornar à área dos dois homens do "tempo". Agora, entre à direita e siga em frente usando os "tempos" para levantar as plataformas. No final, seguindo pela esquerda estará a chave para abrir um cesto de ferro ao lado da entrada do templo e, pela esquerda, estará Jacques e o dragão. Para derrotar Jacques, siga-o desviando das caixas até chegar ao final.
 
Gnorc Gnexus (200 jóias e 2 dragões)
 
Dragão 1 - Delbin: O primeiro dragão é libertado logo que inicia a fase. Para libertar o segundo você deve fazer o seguinte.
 
Dragão 2 - Magnus: Jogue a fase "Gnorc Cove" normalmente para que seja aberta a fase "Twilight Harbor" na boca de uma das cabeças de dragão. Jogue-a normalmente sem se preocupar com o segundo dragão de "Gnorc Gnexus". Em seguida, entre em "Gnasty Gnorc" e derrote-o. Assim que Gnasty Gnorc for derrotado, vão surgir um vídeo e os créditos. Após isso, você voltará ao jogo e o segundo dragão estará no mesmo local onde estava Delbin. Se você estiver com 100% do jogo completo (cheque o Inventário na tela de Pause ou aperte Select), a última fase "Gnasty's Loot" estará aberta.
 

Tem como ficar com 99 vidas no jogo Crash Bandicoot 2: Cortex Strikes Back (PSOne)?

    Há como ficar com 99 vidas no jogo, mas não é com macete que você consegue (entende-se por macete, aquele código que você faz para conseguir coisas que no jogo normal não dá pra conseguir); basta você entrar direto nas salas de Bônus espalhadas por algumas fases do jogo. Isso acontece também no jogo Crash 3.

 

Qual a quantidade certa de fases no jogo Crash Bandicoot (3): Warped (PSOne) e como habilitar as fases secretas do jogo?

          No jogo Crash 3 existem 25 fases habilitadas quando você pega os cristais e chega ao fim do jogo e 5 chefes. São 5 Warp Rooms (Salas de Transporte) espalhadas pela Sala Principal com 6 fases cada, mas existe ainda o Warp Room nº 6...

          Para acessá-lo, é só conseguir as 25 relíquias do jogo. Para consegui-las, você deve entrar novamente nas fases, pegar um relógio e correr contra o tempo até o final da fase (sem morrer). Quando conseguir 5 relíquias, irá aparecer no centro da Sala Principal (perto da Coco Bandicoot), uma plataforma. Ela levará Crash ao Warp Room 6. A partir dessa área, você poderá entrar em áreas das fases "Hang 'em High" e "Future Frenzy" que não eram acessíveis no início do jogo. Para abrir as fases restantes, você deve conseguir mais relíquias... Há 2 fases secretas no jogo. Clique Aqui para saber como habilitá-las. Então, no total, o jogo possui 33 fases, pois no Warp 6 somente há 5 fases, sendo 3 inéditas. Se considerarmos TODAS as fases, teremos um total de 35 fases.

 

Como são habilitadas as fases secretas do jogo Crash Bandicoot 2: Cortex Strikes Back (PSOne)?

          Algumas fases do jogo Crash Bandicoot 2: Cortex Strikes Back são difíceis de serem acessadas, por isso foi construído no site, dentro das informações do jogo, algumas dicas úteis que ajudam os jogadores a encontrarem fases escondidas, itens escondidos e passem de áreas consideraras difíceis. Clique Aqui para conhecer as fases do jogo, dentre elas, as secretas.

 

Como coletar algumas letras escondidas no jogo CTR do PlayStation?
          Recebi um e-mail que perguntava sobre algumas letras que estão em locais de difícil acesso. Por isso, acho que algumas pessoas devem ter dificuldades nessas partes e decidi colocar no site.
 
1 - Crash Cove: Objetivo - coletar as letras C, T e R.
 
Para pegar a letra T, você deve pegar velocidade na rampa. Quando chegar no final da rampa, aperte L1/R1 para pular e quando chegar na água, mantenha o X apertado para continuar acelerando. Vá pela água para subir no morro à frente (de preferência a parte mais baixa dele). Para subir nele, siga pela água e, quando chegar no final do lago, aperte L1/R1 para pular, mantendo o direcional para cima e o X apertado. Quando chegar no alto, vire à direita para ir à ponte, tomando cuidado na hora que for pular para pegar a letra T que está no canto da ponte e também com o oceano logo abaixo.
 
2 - Tiger Temple - Objetivo: coletar as letras C, T e R.
 
Para pegar a letra R, você deve ter certeza de que está com uma bomba ou um foguete. Por quê? Isso para que você use um desses objetos para destruir uma porta após o primeiro túnel da fase, à esquerda do cenário. No final do túnel, pule à esquerda para pegar a letra que está flutuando.
 

Como pegar a gema amarela no jogo Crash Bandicoot 3: Warped (PSOne)?

          Para você pegar a gema amarela da fase "Hang 'em High" (7) você deve coletar 10 relíquias de qualquer valor nas fases anteriores para que apareça no centro do Warp Room principal uma plataforma (perto de Coco Bandicoot) que o levará ao Warp Room Secreto (6). Lá, entre na fase 27 e complete-a. No final estará a gema amarela e, quando sair, você será levado de volta ao Warp Room 2, fase 7.

 

Dragons & Bandicoots © 2001/2017 - Versão 15.0

Site desenvolvido e criado por Paulo Moreira (dragonsb). Os personagens mencionados neste site são marcas registradas de Activision, Inc. O site Dragons & Bandicoots não possui nenhuma ligação com a empresa mencionada.
Site hospedado por Webhost Brasil.